Dispersos

António Cabral (anos 60)A produção escrita de António Cabral não se esgota nos livros publicados em nome próprio. Pelo contrário, o autor deixou uma obra vasta dispersa por jornais, revistas e monografias várias, ao longo de mais de meio século de carreira dedicada à escrita nas suas várias vertentes (poesia, ensaio, ficção, etnografia, ludoteoria, teatro ou filosofia).

Ver bibliografia da obra dispersa e lista de periódicos nas páginas correspondentes:

Monografias

Periódicos